Cursos

Detalhes do Curso Psicoterapia Analítico Comportamental Contextual com Crianças, Adolescentes e Pais: Integrando a TACI, FAP e ACT

EMENTA

Histórico da psicoterapia analítico comportamental infantil, da AEC às terapias contextuais. Integração de processos e propostas favorecendo o alcance e resultados da intervenção. Aspectos peculiares da análise clínica comportamental infantil. Bases conceituais: da contingência de 3 termos ao RRAA. Classes de ordem Superior e as Terapias Contextuais (Flexibilidade Psicológica; Esquiva Experiencial, Self, Valores e Ação comprometida, entre outras). Instrumentos de Avaliação e Intervenção da primeira à terceira geração. Habilidades do terapeuta. A relação terapeuta criança, adolescente, pais. A FAP com crianças, adolescentes e pais. Publicações e Evidências. Conclusões e perspectivas futuras.

PROGRAMAÇÃO

1. Análise Funcional e a Integração das Psicoterapias Analítico-Comportamentais da Primeira, Segunda e Terceira Geração no atendimento a crianças, adolescentes e pais; da AEC, Modificação do Comportamento, TAC às Terapias da Terceira Geração: ACT e FAP.

2. Atende a criança desde que nasce; atende aos pais; acompanha na escola;

3. Processos:

o Apego;

o Manejo de Contingências pelo Terapeuta - praticas positivas. Identificação e Alteração de esquemas vigentes: Controle aversivo -> controle positivo; Reforçamento arbitrário -> natural; Consequenciação para comportamentos-alvo, incompatíveis, alternativos; Reforço contingente X não contingente; aprimoramento do controle de estímulos; foco no problema x desfocar o problema; ignorar x desfocar; atenção reduzida para o inadequado; ensinar outras alternativas de enfrentamento;

o Classes Comportamentais e intervenção;

o Comportamentos verbalmente governados – formação de conceitos, regras;

o Relações de Equivalência e RRAA: transferência e transformação de funções. Tarefas do Terapeuta. Alteração de Classes;

o Comportamentos governados por conceitos estabelecidos por novas relações verbais.

o “Cusps”

o Desenvolvimento Self e problemas clínicos.

o Teoria da Mente (TOM)

4. As múltiplas variáveis relevantes e a Formulação de Caso : a queixa e o problema; diagnostico x avaliação contínua.

5. Habilidades dos terapeutas;

6. Formas de Levantamento de Dados: fantasia; questionamento reflexivo, etc...

7. Comportamentos promissores: Brincar como “behavioral cusp”; Habilidades e Competências Sociais;

8. Classes de ordem Superior e as Terapias Contextuais:

o Flexibilidade x Inflexibilidade Psicológica;

o Esquiva Experiencial x Aceitação e Tolerância Emocional;

o Fusão x Atenção Plena, Mindfullness e Desfusão;

o Self - Autoconhecimento, autocontrole e autogerenciamento;

o Valores e Ação comprometida;

o Intimidade e Relação de Confiança;

9. A relação terapeuta cliente e a FAP com crianças, adolescentes e pais ;

10. Medidas e instrumentos disponíveis da primeira à terceira geração;

11. Orientação a Pais:

o Variáveis que afetam o Comportamento dos Pais – estresse, eventos contextuais pontuais, inabilidades, crises e problemas conjugais, pais single, ausência de rede de apoio, problemas psicológicos como por ex. depressão, etc.

o Estilos Parentais.

o Orientação e outras formas de trabalho com pais : Terapia Familiar; Terapia de Casal; Terapia Individual dos pais.

o Sessões conjuntas: objetivos, dinâmica, cuidados importantes.

12. Publicações e Evidências. Conclusões e perspectivas futuras.

Corpo Docente

Jaíde Regra
Jaíde Regra
Doutor em Psicologia Experimental - USP
Fatima Cristina de Souza Conte
Fatima Cristina de Souza Conte
Doutorado em Psicologia Clínica - USP
Ila Linares
Ila Linares
Doutorado em Saúde Mental - USP
Tauane Paula Gehm
Tauane Paula Gehm
Doutora em Psicologia Experimental (USP)

Interesse

Que pena! Este curso não possuí vagas disponíveis! Mas, se você gostou do curso temos uma boa notícia!
Deixe seus dados abaixo e nós lhe avisamos quando tiver a próxima turma, ok?